quarta-feira, 15 de julho de 2015

Galungan & Kuningan

Como a maioria de vocês já deve saber,  a ilha de Bali possui uma religião diferente do restante da Indonésia. É o Hinduísmo Balinês, que abrange aproximadamente 90% da população da ilha.
A cultura balinesa é muito rica, principalmente por conta da sua religião que se manifesta através de inúmeras cerimônias, do grande número de templos, as danças... entre vários outros aspectos.
Como estamos vivendo aqui em Bali no momento, me sinto privilegiado por poder presenciar essas manifestações. Principalmente hoje, dia 15/07/2015, que começam as comemorações do Galungan, um dos principais feriados para os hindus onde se comemoram a vitória do dharma sobre o adharma. Ele marca o momento em que os espíritos dos ancestrais voltam a Terra para visitar seus antigos lares e os familiares e moradores atuais tem a responsabilidade de seres hospitaleiros através de oferendas e orações. O sinal mais evidente das celebrações é o Penjor - varas de bambu com oferendas suspensas no final. Estes são instalados ao lado de estradas e em frente as casas. O número de dias em torno do dia Galungan têm nomes especiais, e são marcados pela organização de atividades específicas. 
3 dias antes Penyekeban - Culinária de bananas para as ofertas
2 dias antes Penyajaan - confecção dos jaja (bolos de arroz frito)
1 dia antes Penampahan - Abate de suínos e tartarugas para festas
1 dia após Manis Galungan - espíritos visitam a família
10 dias após Kuningan - Orações, oferendas - espíritos voltam para o céu.
11 dias depois Manis Kuningan - Diversão e festejos.
O Galungan começa na quarta-feira (Buda) de Dunggulan, na 11ª semana dos 210 dias do calendário Pawukon. Isto significa que muitas vezes há duas festas por ano solar.
Aqui na casa onde moramos, os proprietários vieram hoje rezar e fazer suas oferendas aos espíritos. 



                                                                           fonte: google imagens

                                     
                                                                                                   fonte: google imagens

Oferendas feitas aqui em casa...

                                                              foto: Andrezza Negrini

                                        foto: Andrezza Negrini

                                                   foto: Andrezza Negrini





sexta-feira, 10 de julho de 2015

Vamos Indo                                                Parte 1

Já fazem 2 meses que deixamos o Brasil. Parece que agora as coisas começam a entrar “nos eixos”. É muita ansiedade, expectativa e cautela desde que chegamos. Não é nada fácil largar toda uma vida, empregos, o lar, nossos cachorros, amigos e a família para viver uma aventura como a que começamos a viver.
A mais ou menos 5 meses, minha esposa Andrezza, acordou e simplesmente me comunicou de que estaríamos de mudança para Bali, na Indonésia. Que loucura! Num primeiro momento hesitei. Pois apesar da idéia parecer fantástica para um surfista fissurado como eu, pensei no Raví, nosso filho, que naquele momento tinha apenas 7 meses. Depois no trabalho...o que iriamos fazer? E enfim, no lar...nosso porto seguro. Que apesar de acharmos que o momento político e social no nosso país beira o caos, temos uma vida privilegiada e relativamente segura onde vivemos.
Não vou entrar em detalhes sobre os preparativos para a viagem e todo o processo para a viabilização dessa empreitada, pois foi muito desgastante. Sem contar que resolvemos partir em apenas 2 meses e pouco dias desde que decidimos encarar essa loucura(?).
Apesar de todo o trabalho, alguns percalços e a correria para deixarmos tudo “redondo” para a viagem, o universo  conspirou a nosso favor. Isso nos deu a certeza de que estávamos no cainho certo.

A Chegada

Como tudo estava conspirando, na nossa chegada não foi diferente. A viagem de avião de aproximadamente 30 horas com o Raví , a qual nos deixava bastante apreensivos, foi muito melhor do que o esperado. Ele tem sido magnífico.
Ao chegarmos, fomos presenteados com 9 dias de hospedagem na casa de um amigo. O que nos deu muita segurança até acharmos um lugar para nos instalarmos com mais tranquilidade e assim começarmos essa nova experiência de vida.

O fator “VIBE”

Por sermos recém chegados e estarmos inseguros a que rumo tomar nesse novo mundo ao qual nos deparamos, o fator “VIBE” foi muito importante. Explico...
Como disse a Andrezza, me sinto grato a Deus por poder me guiar e me fazer sentir a vibração das pessoas e lugares ao nosso redor. Não sou nenhum sensitivo, médium ou adivinho, mas essas interpretações tem nos guiado de forma sensata, segura e tem nos levado para o  lado de pessoas do bem e maravilhosas que encontramos no nosso caminho. Pessoas essas que mesmo não nos conhecendo, nos estenderam a mão e ajudaram imensamente nessa nova jornada.

Muita gratidão!





quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Olá!

                                Amanhecer da janela de casa. Praia do Estaleiro/SC. Foto: Guno Mendes

Um Bom Dia à todos, seja você de onde for. Estava com saudades de postar alguma coisa aqui no blog, mas a vida está corrida e o trabalho e a família tem exigido bastante. Espero em breve estar postando alguma palavras, um som novo ou alguma história... Cheio de idéias.
Grande Abraço à todos.

domingo, 24 de março de 2013

The Distant Shores

Essa semana ouvi uma chamada para um filme chamado Distant Shores.
É bem o tipo de "película" que me atrai... Surfistas aventureiros que buscam lugares singulares com a temática da onda perfeita e que mandam bem na performance.
"Lugares singulares", sim. Picos diferentes, não só aquele mesmo roteiro... Indonésia-Hawaii-Austrália-Califórnia. Sinto a necessidade de visualizar novos points, mesmo eles se localizando em lugares muito remotos e até com neve. O que mais me instiga é a aventura. A busca por algo diferente, que a maioria não pensa em fazer..."por que é frio", "...é difícil chegar lá", "tem que usar wetsuit"... E outra coisa, a vivência com pessoas de diferentes culturas. Quem já ouviu o nome Kepa Acero, sabe mais ou menos o que quero dizer.
Para mim o feeling do surf me leva mais para esse lado, essa busca... aventura,vivência, a experimentar, se imaginar em novos caminhos.




Aqui você pode fazer o download do filme gratuitamente no site da SurferMag.

sexta-feira, 22 de março de 2013

The Sins - New Slang

Novo sonzin para o meu set list...
Me empolguei.


De volta...

O tempo voa mesmo. Já faz 1 ano e 3 meses que não faço nenhum post aqui no blog. Senti falta...falta inclusive de "conexão", pois foi difícil net aqui pra casa. E falta principalmente de escrever. Nesse tempo sem postar, várias coisas mudaram...na vida, no meu surf, no modo de ver o surf, nas pranchas... novas idéias surgiram e até o sentido do blog. Amadurecimento. Mudanças. Com certeza.
Espero poder dividir um pouco disso com vocês daqui pra frente. Confesso que estou empolgado.

                                                                                         foto: autor desconhecido.



terça-feira, 16 de agosto de 2011

Paraíso Guardado.


Dando uma navegada pelo site Waves hoje, me deparo com essa matéria sobre esse paraíso que é a Guarda do Embaú. De uma olhada nos videos e fotos da matéria aqui.
Abraço à todos.
Guno